Cambridge Analytica acedeu aos seus dados do Facebook?

Cambridge Analytica acedeu aos seus dados do Facebook?

No dia 9 de Abril, o Facebook começou a notificar os utilizadores cujas informações privadas foram recolhidas pela Cambridge Analytica. Os dados foram recolhidos através da aplicação “This Is Your Digital Life” no Facebook, criada por Aleksandr Kogan, investigador da Universidade de Cambridge, através da sua empresa Global Science Research, em colaboração com a Cambridge Analytica. 270 milhões de utilizadores foram pagos para fazer um teste de personalidade, e aceitaram que os seus dados fossem recolhidos. No entanto, a aplicação recolheu também os dados dos amigos dos participantes, o que permitiu que o número de utilizadores que tiveram os seus dados recolhidos atingisse os milhões.

As estimativas iniciais apontavam que tinham sido recolhidos dados de 50 milhões de perfis de Facebook. No entanto, o Facebook fez uma nova estimativa, e concluiu que foram recolhidos dados de 70 milhões de utilizadores. A maior parte dos utilizadores são dos Estados Unidos (81.6%), porém também foram recolhidos dados de utilizadores nas Filipinas (1.4%), Indonésia (1.3%), Reino Unido (1.2%), México (0.9%), Canadá (0.7%), Índia (0.6%), Brasil (0.5%), Vietname (0.5%) e Austrália (0.4%). Somando as percentagens reveladas pelo Facebook (89,1%), sobram 10,9%, o que significa que milhares de utilizadores de outros países, incluindo Portugal, poderão ter sido afectados. Por exemplo, no caso do Brasil, 0.4% pode parecer uma percentagem reduzida, mas 0.4% de 70 milhões são mais de 443 mil utilizadores.

Os dados recolhidos incluem mensagens privadas, pois conforme confirmou um porta-voz do Facebook à revista WIRED, a aplicação requeria acesso à caixa de entrada do utilizador através da permissão read_mailbox. Os utilizadores tinham que autorizar o acesso à sua caixa de entrada, mas esse pedido de informação altamente pessoal estaria escondido no meio de outros pedidos de dados menos intrusivos, como datas de nascimento ou fotografias de perfil. É portanto possível que alguns utilizadores tenham autorizado este acesso, não tendo consciência da quantidade de informação pessoal que estavam a fornecer. O Facebook afirma que 1500 pessoas deram permissão à aplicação “This Is Your Digital Life” para ler mensagens privadas. Apesar de apenas terem sido recolhidas directamente mensagens de 1500 pessoas, o número de pessoas cujas mensagens foram recolhidas indirectamente poderá ser muito superior, pois quem enviou uma mensagem a uma destas 1500 pessoas, ou recebeu uma mensagem de uma destas pessoas, também pode ter sido afectado.

Se os seus dados tiverem sido recolhidos, deverá ter recebido uma notificação semelhante a uma das duas notificações retratadas seguinte imagem:

Cambridge Analytica Facebook

Neste artigo, iremos explicar como poderá verificar se a Cambridge Analytica acedeu aos seus dados do Facebook.

Como verificar se a Cambridge Analytica acedeu aos seus dados do Facebook

1º. Faça o login no Facebook e entre na página seguinte: https://www.facebook.com/help/1873665312923476.

2º. Se surgir a mensagem abaixo, isso significa que as suas informações não foram partilhadas com a Cambridge Analytica:

Cambridge Analytica Facebook